Batata doce

Batata doce

Segundo o Instituto Ricardo Jorge, a batata doce tem quase mais 10g de hidratos de carbono por cada 100g, do que a batata branca.
Portanto engane-se quem acha que ao comer batata doce estará a ingerir menos hidratos de carbono.
Mas não é por isto que a batata doce não tem vantagens em relação à batata branca, como é rica em fibra solúvel, reduz a absorção da glicose e lípidos, pelo que ajuda a controlar não só a glicemia, como o colesterol.
Esta fibra também propícia uma digestão lenta, contribuindo para a sensação de saciedade por mais tempo e fornecendo energia mais tempo.
O seu índice glicémico é baixo, levando a que a elevação da glicemia seja menor.
Existem vários tipos de batata doce, não existindo diferenças substanciais em termos nutricionais, entre eles.
Os mais conhecidos são a branca (polpa seca e pouco doce), a amarela (polpa seca e doce), a roxa (casca e polpa roxas e polpa adocicada) e a avermelhada (casca avermelhada e polpa amarelada é doce).

Existem várias formas de a cozinhar: cozida, assada, em puré, e ainda fritas, mas obviamente esta última levará a mais calorias e gordura.