Dicas para administrar insulina

Abdómen: Fique a pelo menos dois centímetros de distância do umbigo ou de quaisquer cicatrizes que já tenha ao usar o abdómen para injecções.

Coxas: injectar pelo menos uma mão acima do joelho e pelo menos 4 centímetros abaixo da parte superior da perna. A melhor área na perna é a área superior e externa da coxa. Não injecte insulina na parte interna da coxa devido ao número de vasos sanguíneos e nervos nessa área.

Braços: Injectar no tecido adiposo na parte de trás do braço entre o ombro e o cotovelo.

Nádegas: injectar no quadril ou na área da carteira e não na região inferior das nádegas.

Ao rodar os locais numa mesma zona, mantenha as injecções separadas por pelo menos 2 dedos.

Não injectar em tecido cicatricial ou áreas com vasos quebrados ou varizes. O tecido da cicatriz pode interferir na absorção.

Massagens ou exercício que ocorra imediatamente após a administração de insulina pode acelerar a absorção devido ao aumento da circulação no local da injecção. Se prevê ir praticar actividade física extenuante logo após administrar insulina, não injecte numa área que será utilizada pelo exercício. Por exemplo, se planeia ir jogar ténis, não injecte no braço da raquete. Se planeia correr, não injecte nas coxas.

A administração deve ser feita perpendicularmente ao corpo.

Depois de injectar certifique-se de manter a caneta no lugar por alguns segundos após a insulina ser administrada para garantir que não há perda de insulina.

Imagens retiradas de: https://mudandodiabetes.com.br e http://www.diabetes.med.br